terça-feira, 25 de dezembro de 2007

37 - Loucademia de Polícia 1

Para não começar o ano de 2008 devendo meus leitores (não posso dizer o mesmo dos credores), estou postando o primeiro filme do Cinema em Casa escolhido por vocês. Este é o meu presente de Natal (que pobreza). Feliz Natal a todos e que comam muito peru, rabanada e outras comidas com duplo sentido. Valeu!


Original: Police Academy

Lançamento: 16/04/1984

Atores: Steve Guttenberg
David Graf

Diretor: Hugh Wilson



Clássico de qualquer criança que nasceu nos anos 80. Esse filme sempre me lembrava da turma da escola, meu sonho era formar uma galera Loucademia de Polícia. Mas nunca consegui (mais um sonho não realizado). Conseguia reunir um gordão, um altão, uma gostosa, até um maluco por armas, mas nunca conseguir um cara que fizesse imitações. O máximo que consegui foi um que fazia a vozinha do Gil Gomes (devia ter estudado com o Tom Cavalcante). Eu era o desastrado, o conhecido mão furada, era aquele que sempre derramava Coca no uniforme, riscava o braço com caneta, toda hora derrubava o estojo no chão (hoje em dia, eu só me sujo com catchup de sache).

Veja um trailer da época (época de “Compre Batom, seu filho merece Batom).



O melhor deste filme são os personagens, que possuem cada um uma característica marcante. Tinha a cadete Laverne que possuía uma vozinha fininha e baixinha (parecia que tava entalada com alguma coisa, dava nervoso), tinha o gordinho Barbara (que na verdade nem era muito engraçado), tinha o garanhão George Martín que acaba pegando a instrutora peituda (nossa, ela era sensacional!!! Opa, caiu uma baba aqui), o grandalhão Hightower que antes de virar policial era florista (os gigantes também amam) e um dos melhores era o Jones que imitava tudo que se podia imaginar (a cena dele jogando vídeo game sozinho no quarto é hilária!). Abaixo uma amostra do seu talento (o melhor é o barulhinho do fim da mensagem).



Ainda tinha o malandrão do Mahoney, que é um tipo de Didi dos Trapalhões, sempre arrumava as confusões (tá bom, o Didi era mais engraçado que ele). Tem também uma cadete, que nem lembro o nome, que só tá no filme pro Mahoney dar uns pegas. Tinha o desastrado Fackler, (que era o Mr. Bean do filme), mas não poderia faltar o nosso doidinho por armas, cadete Eugene Tackleberry. Ele, junto com o Jones, tem as cenas mais engraçadas do filme, como aquela onde ele usa um trambuco no tiro a alvo e ainda diz que foi a mãe dele que lhe deu de presente (porra, e minha mãe nem me dava aquelas arminhas de espoleta). Abaixo uma cena hilária onde o Tackleberry mostra as suas “habilidades” no circuito (a cara que o sargento Harris faz é muito boa).



Os graduados da academia também são muito bons. O sargento Harris, apesar de ser o “vilão” é muito engraçado, sempre nervozinho e com aquele bastãozinho (que merda era aquela? Pra que serve aquele bastão? Sei que ele sempre ilustrava e... humm... acho que o Harris gostava de um kibe de ré... é só uma teoria). A sargenta Callahan também tinha muitos “talentos”, eram firmes, duros, redondos e perfeitos (peitos grandes? É mesmo? Nem reparei... estava focado nos seus “talentos). Pra finalizar essa tropa de elite, temos o Comandante Lassard, um homem respeitado por seu pulso firme e dureza com seus comandados, principalmente, com o seu peixinho dourado. Abaixo uma cena hilária do bola-gato que rola na apresentação de slides (tem um momento que ele diz “vamos apenas ver e refletir sobre este slide”.... haha).



Cena Inesquecível: Cena que marcou o primeiro filme da série e foi introduzida em todos os outros Loucademias: a cena do Bar Gay. Cena clássica onde o malandro Mahoney manda os dois cadetes x-9 do Harris para um bar gay, dizendo que seria o local de uma festa da turma (maneiro que um dos x-9 fica amarradão).

Veja a cena no The Blue Oyster Bar (um bar onde todos se amarram em Bárbara Streisand).



Curiosidade: Vocês lembram que o Loucademia de Polícia virou desenho animado? Pois é... puxei essa do fundo do baú. Abaixo alguns desenhos do Mahoney, Jones e Tackleberry (hehe... velhos tempos...).


Mudando de assunto:

Filmes com advogados:
Advogado do Diabo, A Firma e O Mentiroso.

5 comentários:

thiago disse...

Esse filme é muito louco!

Abraços e Feliz Natal.
http://www.joguinhosantigos.com

Igor disse...

Antes de tudo...
Feliz Natal a todos e um otimo ano novo(e toda aquela falsidade)!
Esse é um classico do extinto "Cinema em Casa". Só faltou falar que o Jones além de imitador, ele era viciado em artes marciais, lembro de uma cena dele usando uma faixa na cabeça e imitando Bruce Lee.

Abração a todos.

line disse...

hahahahah muito bom esse filme
amei essa ideia do cinema em casa tbm pq tinha filmes otimos
mas a sessao da tarde ainda e bem melhor claro :)

thiago disse...

Quando tiver um tempo, faça uma resenha deste filme:
http://www.imdb.com/title/tt0089222/

Abraços.

Malu disse...

Oiê..
Feliz Natal atrasado... E um ótimo Ano Novo. Pronto. Agora vamos ao que interessa. Sobre o filme eu amo esse filme, um verdadeiro clássico!!! E os personagens...